Tomei coragem e fiz, gravei um videozão contando como o limite empático pode tornar mais leve a rotina de crianças e famílias.

Gravei com muito carinho e espero que muitas mães possam buscar seu caminho das “birras” à colaboração.

Fica por aqui que toda semana tem muito mais.

Com Limites, Com Afeto vamos juntas!